Não mate as Árvorezinhas! – Procrastinar, meu Deus, por quê?

Então é ano novo, você se prometeu ser outra pessoa, totalmente produtiva e prafentex. Só que já é Maio-quase-junho, a inscrição do enem já acabou e você está aí: Diabé Floema mesmo? No quadrado perfeito qual que soma, mesmo? Pois é, todo mundo sabe como é. O que te mantém no plano de ser alguém melhor não é o plano, planejar é fácil.

O que te mantém na rota é a disciplina.

Falar é fácil, também, ói nóis aqui. Ninguém aqui é monge Zen, nem nascido numa montanha no Himalaia, nem praticou Kung-fu a vida inteira. A bem da verdade, a gente nem sabe como é que terminou (se terminou) a escola sem fazer a mãe chorar (muito).

Só que as contas vêm, o mundo cobra, você devia ter estudado mais e eis que o ENEM tá custando 82 malandros. Você tem que estudar, filho, se não for ENEM é faculdade, se não é faculdade é curso. E desenvolver o hábito do estudo é ruim, hein.

Inda mais com o crush te marcando no Facebook, curtindo todas as suas fotos, as migas parindo filho no surto porque tem single da Bey, ou, pior, nasceram o Green e o Yellow, irmãos da Blue. (Copiei essa do Hugo Gloss).

Tem um método chamado Pomodoro. Já ouviu falar? Eu uso quando tô muito de saco cheio. Estuda vinte e cinco minutos, para cinco, dá uma checada no crush, olha o dia pela janela, bebe uma água e tome mais vinte e cinco. Com o tempo você se ajusta e faz de cinquenta em cinquenta que para mim é o tempo ideal. Trabalha cinquenta minutos, voa por cinco e trabalha mais cinquenta.

O nome do método é igual ao molho de tomate porque uns dizem que é o tempo que o molho fica pronto. Como eu compro pronto, é só tacar no macarrão que pronto, já era, mas o nome ficou e é isso.

A gente imagina que estudar é ficar longe do celular, mas o temporizador do seu celular pode ajudar a calcular os intervalos de vinte e cinco e vinte e cinco, ou então, você pode testar esse APP aqui:

1. Forest – Se mantenha focado. (Android e Iphone)

Toda vez, durante o tempo que combinou de estudar, você pegar o celular para olhar o crush, uma árvore morre. Toda vez que você completar seu tempo de estudo sem trapacear, você planta uma árvore. Tem até plugin para o Google Chrome e dá para usar no computador caso você tenha um caso sério com PDFs e hand-outs das aulas.

Forest App

2. Tide (Android e Iphone)

Tide é mais coisa de criativos. Eu gosto porque tem músicas de fundo e o aviso de que o tempo acabou é a suspensão da música, então, se você está numa vibe muito boa de criação, não tem um alerta gritando para você parar de trabalhar. A música só para. Tem som de chuva, de cafeteria, de floresta e combina com as músicas que você, por ventura, queira deixar rolar.

Combina também se você é desses que gosta de ler na chuva. Tem som de chuva, então é só deitar num canto confortável, meter os fones de ouvidos e ir ler aquele livro que não te prendeu tanto assim, mas você quer terminá-lo de cabeça dura que é.

Os dois APPs dão um tracker para acompanhar seu crescimento e produtividade ao longo da semana, mas, se você for tonto como eu, vai querer marcar em algum lugar quantas horas ou quantos dias na semana conseguiu se focar no estudo e ir anotando seus progressos.

Como este meu pequeno rastreador-dedo-duro de que eu nunca trabalho tanto como eu planejo trabalhar:

Então, se você planejou passar no ENEM ou em qualquer outro curso ESTE ANO, vai lá, baixa os apps gratuitos, investe numa bela garrafa d’água e se encha de boas vibrações. Vai lá, mulher, que é maio, ainda. Dá tempo de saber o que é floema e polissíndeto.

Não esquece dos sonhos, mas não esquece que sorte só existe para quem bota a mão na massa, tá? Já te deram o mais importante: saúde, teto, amor e beleza. O resto, BORA!

**

Playlist amorzinha de Pops de rádio tocadas no violino. Combina com o app da chuvinha, viu?

  • Lívia Cavalheiro

    Conheci seu blog ontem e estou adorando!
    E gostei muito da ideia do aplicativo da arvorezinha… se eu vou evitar procrastinar (e tentar, de quebra, me disciplinar – oh, vida difícil, essa), que seja não matando árvores. 🙂

    • Camila Braga Marciano

      Oba, gente nova! O app da árvore é realmente muito bom. Conforme você vai plantando árvores vão aparecendo novas espécies então não fica uma floresta só fe pinheiro (até porque pinheiro não faz floresta :p)

      Seja vem vinda, Liv!